Dizem que não somos nós que escolhemos nossos animais e sim eles que nos escolhem.

Convido vocês para assistirem um vídeo de 2 minutos que mostra como um caso polêmico que foi resolvido através da criatividade de uma juiza que deu liberdade para que  um cãozinho disputado entre dois possíveis donos tivesse a chance de mostrar a quem pertencia o seu amor.

Enquanto presidia um caso de propriedade de cães, a juíza Judy Sheindlin percebeu que, apesar dos argumentos, só existiria um modo de provar quem realmente era o dono do filhote: permitir que o bichinho mostrasse por si mesmo! Confira como isso aconteceu

Editorial CONTI outra. Com informações de Paw my Gosh.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here