Sabe essa ferida que você carrega aí e que sangra de vez em quando? Então, é sobre ela que quero falar. Um dia ela será curada, e você vai ter a clareza suficiente para perceber o momento da cura. Você vai identificar o ‘remédio’ e vai voltar no exato momento em que a ferida nasceu. Para cada ferimento que um(a) ex te causou, haverá alguém para te curar. Sim, sabe aquela sua característica física ou psicológica que alguém tanto criticou e que o/a levou às lágrimas? Então, há de surgir alguém que irá se encantar justamente por isso em você.

Eu sei do que estou falando, todos os meus ex criticavam as minhas gargalhadas, eles não sabiam lidar com o que transborda em mim, e hoje tenho alguém que é apaixonado pelo meu riso, para ele, quanto mais escandalosa a minha risada, melhor. Os meus ex plantaram em mim um sentimento de inadequação sobre o meu jeito de ser, eles me comparavam às esposas e namoradas dos amigos e se referiam a elas como mulheres discretas, ideais para se relacionar. Mas me curei do passado, hoje eu me permito gargalhar e me sentir plena por isso, danem-se todos aqueles que não apreciaram a minha intensidade.

A cura vem, contudo, você precisa se dispuser a recebê-la. Você precisa se movimentar na direção daquilo que você merece. Se você simplesmente acatar a dor que lhe causaram, sem questionar nada, tudo vai permanecer como está. Saia de perto de quem o(a) machucou, respire outros ares, passe a conviver com pessoas que tenham interesse em florir ao invés de ferir a vida dos outros. Entre em contato com o seu potencial criativo, ele será seu grande aliado no seu processo de cura. Sabe o que eu fiz e faço com os espinhos adquiridos nos relacionamentos abusivos que tive? Eu os transformo em textos e poesias e alcanço milhares de mulheres e digo a elas: eu superei e estou aqui plena, você também vai conseguir.

Quando você mudar a forma de se perceber, quando você se der conta de que merece um relacionamento bonito e íntegro, você vai atrair a pessoa certa ou vai abandonar a errada, isso é inevitável. Não há lugar para um parceiro abusivo na vida de alguém que se ama e se respeita. Isso vai acontecer quando você parar de se autossabotar, quando você entender que ser feliz é um direito seu.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Ivonete Rosa
Sou uma mulher apaixonada por tudo o que seja relacionado ao universo da literatura, poesia e psicologia. Escrevo por qualquer motivo: amor, tristeza, entusiasmo, tédio etc. A escrita é minha porta voz mais fiel.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here