Antes de qualquer coisa, deixo claro que acredito, sim, na mudança das pessoas, em qualquer fase da vida delas. Contudo, sobre isso, trago comigo uma crença que não abro mão: as pessoas só mudam quando elas sentem necessidade. Não adianta o mundo inteiro cobrar a mudança de alguém que não se sente incomodado com a própria condição.

Onde quero chegar? Bem, quero dizer a você que ninguém tem poder suficiente para mudar um parceiro. Eu sei que posso estar lhe desapontando, mas essa verdade precisa ser considerada para o seu próprio bem. Por mais bem intencionado(a) e determinado(a) que esteja, você não vai obter êxito nessa empreitada, porque a mudança só acontece com as chaves que abrem por dentro.

Eu conheço muitas mulheres que se nutrem de fé e otimismo e se empenham em transformar o caráter de um homem afim de transformá-lo num parceiro ideal. Elas acreditam que elas serão capazes de fazer um homem abandonar o alcoolismo, as drogas, o caráter violento e agressivo. Elas juram que podem transformar alguém que negligenciou a paternidade em outros relacionamentos num pai exemplar. Elas acreditam que conseguirão transformar um sedutor compulsivo num parceiro monogâmico e dedicado à família.

Bem, como disse no começo, toda mudança é possível a alguém, mas esse alguém precisa desejar isso e, determinadas mudanças, mesmo o sujeito querendo, não será algo fácil. É muito comum, especialmente, entre as mulheres, essa rivalidade. Acontece de uma mulher atribuir à ex companheira de um homem a responsabilidade pela falta de caráter dele. Há casos extremos em que uma mulher diz que a outra apanhou porque mereceu e, que com ela será diferente. Sim, algumas mulheres pagam pra ver alguns dissabores ou mesmo tragédias.

Nutridas de um sentimento de competitividade, muitas se colocam como ‘a toda poderosa’ e, como tal, acreditam que serão tratadas a pão de ló por alguém com um vasto histórico de agressão em relacionamento anteriores, ou de calotes financeiros etc. Bem, vou repetir: é possível, sim, que um homem com um passado tão comprometedor mude, mas isso não será um milagre de nenhuma mulher, isso será uma ressignificação que ele mesmo fará de suas próprias experiências negativas. Entenda, nenhuma mulher é melhor do que a outra. Nenhuma mulher deverá ser responsabilizada pelo comportamento leviano de um homem, tampouco, nenhuma deverá ser vista como a santa milagreira.

É isso, muito cuidado, prudência e água benta não fazem mal a ninguém.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Ivonete Rosa
Sou uma mulher apaixonada por tudo o que seja relacionado ao universo da literatura, poesia e psicologia. Escrevo por qualquer motivo: amor, tristeza, entusiasmo, tédio etc. A escrita é minha porta voz mais fiel.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here