Eu queria dizer que sinto saudade de você, que hoje no caminho de volta pra casa me lembrei de você. Queria saber como você está, o que tem feito, se resolveu os problemas que tinha pra resolver, sabe?! Eu queria conversar com você sobre a morte do Stan Lee, sobre a possibilidade do próximo filme da Marvel o homenagear e sobre como a arte imortaliza as pessoas, entende? E te falar mais uma vez do medo que eu tenho da morte. Eu queria inventar qualquer assunto só pra ouvir sua voz. Mas você me disse pra esquecer que a gente daria certo. E isso não sai mais da minha cabeça. Nem do coração. “Esquece que a gente vai dar certo” foi uma das últimas coisas que você me disse e, ainda assim, eu tô aqui querendo te dizer que eu sinto saudade, que apesar de você ter me dito pra esquecer a gente, eu não me esqueço de você. Eu não vou me esquecer de você. Não por teimosia, mas por amor. E, por amor, também não vou te dizer que me lembro de você e da gente.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Isabella Gonçalves
Formada em Direito, apaixonada por livros, pessoas e céu cinzento. Escrevo porque gosto e quando quero. Inconstante, dramática, sonhadora. Vejo 100 onde há um. Vejo um onde há 100 vazios. Confiável, confiante, e que siga a vida! Adiante...sempre.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here