Deitada sozinha e acariciando a minha pele: uma garota como eu não pode continuar assim. Fico pensando: onde você está que não está aqui comigo deitado sob o meu corpo? Fico lembrando daquele dia quando nos vimos pela primeira vez. Seus olhos no meio daquela multidão, bastava uma faísca para que se acendesse todo o fogo que existira entre nós dois.

Então eu cheguei perto de você, não precisou de eu dizer nada, apenas tocar seu rosto.

“Me pega, me toca”, sussurrei no seu ouvido.

“Vai me abraçar com força?”, você disse.

E então, olhos cheios de desejo, mãos suadas, lábios se mordendo

Então nos beijamos…

Seu desejo se tornou vivo em meus lábios,

Eu fico quente quando te toco, dentro de mim

Quando seus lábios tocam os meus

Tudo fica parado, é quando fecho meus olhos

E te beijo de novo…

Excitada, suas mãos tocam meus cabelos

Eu tremo

“Promete não deixar esse momento passar?”

Então vai bem devagar, estou suando

Meu coração acelera e meu corpo grita

Quero que isso que está queimando, dure.

E eu fecho os olhos, nos beijamos.

Eu poderia ter pulado de fase, ido ficar a sós

Mas eu gosto dessa adrenalina, desse tesão

Eu gosto desse beijo molhado, desse suor no seu corpo

Me aperta, puxa meu cabelo, não me solta

Quero curtir mais esse momento

Você sorriu, de ladinho, com a cara toda soltinha

E então nos beijamos…

Um beijo excitante deixa desejo no ar, tesão.

Um beijo gostoso marca momentos

Deixa lembranças

Um beijo que faz tremer, suar, tem o seu lugar

Só sei que eu quero de novo e de novo

Você quer?

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Déborah Izy
Taurina, cerveja, ler, escrever, barzinhos, cinema, séries, filmes, super heróis, e amante da vida, acredito fielmente no amor. Gerencio a página em meu nome no Facebook: Déborah Izy. Espero que gostem e se identifiquem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here