É, sei que dentro de você moram uma série de pequenas e grandes tristezas, que no meio do dia mais ensolarado há um segundo de lembrança em que seu sorriso se fecha e o coração aperta. Você pode disfarçar e tentar encontrar uma outra maneira de reagir ao mundo, mas ninguém sabe a forma certa.

Teu peito guarda o frio de algumas perdas, um vazio que fica depois de um dia bom. É preciso entender que somos passageiros nos encontrando na efeméride de um momento. Cada um de nós traz algo de si, leva algo também, mas vivemos de encontros e desencontros, tal qual uma estação de trem.

Há sempre um milagre que não enxergamos quando nada parece acontecer. Há sempre o acaso e o destino brigando pelas nossas escolhas, há sempre uma história que começa e uma que deixa de acontecer em cada vez que escolhemos. As vezes há quem chegue sem esperar, e se vá na mesma rapidez, cegos pela ansiedade do futuro nós nem percebemos.

Sossega tua alma, pare pra sentir o cheiro das flores, abrace a vida com paciência pra sentir todos os sabores. Namore a si mesmo, escolha sorrir, afague as memórias boas, acalante as tristes, somos mesmo um emaranhado de vitórias e derrotas que ninguém sabe. Plante o amor dentro de si e sempre quando começar um novo dia, olhe pro céu e agradeça, rezando pra que a Fé no amor nunca se acabe.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Giovane Galvan
Giovane Galvan é taurino, apaixonado e constantemente acompanhado pela saudade. Jornalista, designer, produtor e redator, escreve por paixão. Detesta futebol e cozinha muito bem. Suas observações cotidianas são dramáticas e carregadas de poesia. Gosta do nascer e do pôr do sol, da noite, mesas de bar e do cheiro das mulheres pra quem geralmente escreve. Viciado em arrancar sorrisos, prefere explicar a vida através de uma ótica metafórica aliando os tropeços diários a ensinamentos empíricos com a mesma verdade que vivencia. Intenso, sarcástico e desengonçado, diz que tem alma de artista. Acredita que bons escritos assim como a boa comida, servem de abraço, de viagem pelo tempo e de acalento em qualquer circunstância.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here