Há pessoas que parecem ter uma nuvem negra sobre a cabeça, vivem reclamando de tudo, nunca têm nada positivo para dizer e são como âncoras para nos puxar para baixo.

Essas pessoas, se não tomarmos cuidados, sugam a nossa energia e acabam nos contaminando com a sua carga negativa.

Por isso, é preciso se cuidar!

Siga essas dicas e livre-se da influência pesada dessas pessoas que nunca têm nada de bom a te acrescentar.

1 – NEM TODO MUNDO VAI GOSTAR DE VOCÊ

Se tiver uma pessoa que vive colocando defeito em tudo o que você faz, fique atento! No fundo essa pessoa queria a sua vida para ela, queria a sua alegria, a sua energia e a sua força de vontade.

Da próxima vez que ela criticar você diga “Este é o meu jeito de fazer isso, é assim que eu considero certo e não quero voltar a ouvir sua opinião sobre o que eu faço. Por favor, não me ofereça mais conselhos. Obrigada!”

Fale calma e firme. Essa gente se desconcerta diante de uma pessoa que sabe o que quer.

2 – NÃO BANQUE O TERAPEUTA GRATUITO

Quanto mais ouvidos você der às queixas da pessoa negativa, mais ela vai achar que você está à disposição dela e que tem obrigação de escutar as suas lamúrias.

Corte a conversa. Mude de assunto, como e nem tivesse escutado a reclamação. E saia de perto. Vá cuidar da sua vida.

3 – VIGIE SEUS PENSAMENTOS

Pare um instante para pensar… A gente atrai para perto de nós pessoas com vibrações semelhantes. Se você anda sendo muito assediada por pessoas de energia pesada< talvez você ande tendo pensamentos pouco luminosos.

Antes de sair de casa, mentalize uma luz azul envolvendo você. Peça proteção aos anjos e cuide de seus pensamentos. Cada vez que tiver um pensamento de queixa ou de pena de si mesmo, pare imediatamente e lembre-se de algo pelo que possa agradecer.

Pensamentos luminosos bloqueiam pessoas trevosas!

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Ana Macarini
"Ana Macarini é Psicopedagoga e Mestre em Disfunções de Leitura e Escrita. Acredita que todas as palavras têm vida e, exatamente por isso, possuem a capacidade mágica de serem ressignificadas a partir dos olhos de quem as lê!"

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here