Tenha a santa paciência! Mal a gente paga aquela infinidade de contas e o carteiro já começa a enfiar as próximas por debaixo da porta! Uma vez uma amiga minha disse “Se você estiver se sentindo carente, atrase alguns boletos… seu celular não vai parar de tocar”! Ahhhh sim… seria muito engraçado se não fosse o fim da picada! E o pior é que a danada tem razão!

No dia do casamento do príncipe ruivinho Harry com a maravilhosa morena Megan – já imaginou os filhinhos que vão sair dessa combinação?! -, bem, nesse dia, começou a rolar um “MEME” na web com uma foto da moça plena e maravilhosa, cujos dizeres eram “a plenitude de quem nunca mais vai ver um boleto na vida”! E não é que é verdade?! Sei lá se é um grande negócio casar com o príncipe da Inglaterra e passar a viver na mira implacável da “Beth”, aquela senhorinha que usava verde limão no casamento e finge que manda na coisa toda. Mas… que seria uma maravilha nunca mais ter um boleto para pagar… ahhhhh isso ia!

O fato é que mesmo livre da encheção de saco dos boletos, nem a maravilhosa Megan – que a propósito virou duquesa… chique demais da conta, né? -, nem mesmo ELA vai ficar livre da maldição de não poder engordar. Pois é…

Nesse mundo aqui fora, seja você da nobreza, da realeza, ou da pindaíba, não vai ter jeito… todo mundo repara na sua barriga, no seu culote, na sua bochecha… se elas aumentarem, é claro! Porque quando a gente emagrece, o povo até repara, mas raramente comenta. Principalmente se o povo em questão forem as suas amigas mulheres.

E a explicação é simples: ao comentar que você está mais enxutinha, automaticamente o seu olhar será atraído para o shape da coleguinha, e caso ela esteja naqueles dias da TPM dos infernos, ou tenha se jogado numas panelinhas de brigadeiro recentemente, vai sacar no seu jeito de olhar, o julgamento.

Mulher é um bicho danado de estranho!

Os homens, espertinhos que são, já se tocaram de que NUNCA devem tecer comentários acerca de alterações de figurino. Se falam que a mulher emagreceu, ela logo revida “Por quê? Eu estava gorda antes??? É isso que você está falando???”. Se falar que a mulher deu “uma engordadinha”… Virgimaria! Divórcio litigioso!

Portanto, minha menina linda que me lê agora – e tanto faz se a balança foi bacana ou megera com você hoje pela manhã – o fato é que não há mágica para fazer sumirem os malditos boletos de debaixo da sua porta. E, como você é bem capaz de ser dona do seu lindo narizinho, a verdade é que boletos pagos por nós mesmas podem ser revertidos em esplendorosas histórias de libertação.

Quanto aos quilinhos indecisos, que não sabem se ficam ou se vão – e se forem, bem que podiam perder o caminho de volta, não é mesmo?! -, bem, quanto a eles… Chuta que é macumba, meu bem! Aí nesse corpinho tem coisas belas e valiosas demais para serem amadas! Dá umas férias para a balança e vai ser feliz!

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Ana Macarini
"Ana Macarini é Psicopedagoga e Mestre em Disfunções de Leitura e Escrita. Acredita que todas as palavras têm vida e, exatamente por isso, possuem a capacidade mágica de serem ressignificadas a partir dos olhos de quem as lê!"

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here