Esses dias eu ouvi uma palestra maravilhosa com a filósofa e professora da Nova Acrópole Lúcia Helena Galvão, na qual ela falava sobre a importância da GENTILEZA na vida. Com ela nos tornamos seres humanos muito mais prósperos, felizes e realizados.

Num determinado trecho ela conta uma estorinha muito linda para ilustrar o que é ser gentil na hora de contar alguma verdade para alguém.

****************

Havia um rei que em determinada noite teve um sonho e acordou meio perturbado por causa dele. Daí chamou seus conselheiros para que o interpretassem.

Quando veio o 1º conselheiro e o rei contou o sonho ele disse.

– Nossa! Mas que sonho terrível majestade! Esse sonho diz que o senhor vai ver todos os seus parentes e entes queridos morrerem…

O Rei responde:

– Que absurdo! Como você é capaz de me dizer uma coisa horrorosa dessas? Guardas! Levem esse homem e lhe deem 10 chibatadas.

Então ele chama um 2º conselheiro e conta o mesmo sonho. Este já interpreta com outras palavras.

– Que sonho maravilhoso majestade! Esse sonho está dizendo que o senhor vai viver mais do que todos os seus parentes.

O Rei ficou felicíssimo e disse:

– Guardas! Deem 10 moedas de ouro para esse homem!

Quando ele saiu pela porta, o 1º estava lá e tinha ouvido tudo. Ficou indignado e falou ao 2º conselheiro.

– Vem cá! Você é um vigarista. Um farsante. Você falou exatamente a mesma coisa que eu e ganhou 10 moedas de ouro enquanto eu ganhei 10 chibatadas…

– Sinto muito! Você é que está sendo ignorante de não entender um dos mecanismos fundamentais da vida: A VERDADE É UMA PEDRA PRECIOSA, e por conta dos nossos princípios éticos e morais, precisamos dizê-la. Mas não podemos esquecer que é uma pedra, e sendo uma pedra, mesmo que seja do diamante mais belo, você pode jogá-lo no rosto da outra pessoa, ferindo-a, ou pode embrulhá-lo numa caixinha, amarrar um laço, colocar uma rosa e um belo cartão. Aí você vai ser recebido e seu presente vai ser valorizado! Vai ser bem recebido…

************

Eu fiquei encantado com a profundidade da mensagem contida nessa estorinha! Os dois conselheiros de fato disseram a mesma coisa: que o Rei teria uma vida longa e por conta disso veria seus parentes morrerem. Um se focou na VIDA LONGEVA, o outro se focou na TRAGEDIA da morte dos parentes.

O foco mudou completamente a forma de percepção do Rei, fazendo com que ele fosse gentil com o 2º conselheiro e severo com o 1º.

Nessa hora fica mais fácil entender a famosa frase atribuída ao grande profeta Gentileza, transeunte nas ruas do Rio de Janeiro e que faleceu no ano de 1996. Ele dizia “Gentileza gera Gentileza”. Essa historinha é uma prova viva disso…

Estou escrevendo esse texto para lhe incentivar a colocar esses ensinamentos na prática da sua vida. Não adianta apenas ler e dizer pra si mesmo: “Mas que estória bonita…”. E depois continuar fazendo tudo do mesmo jeito! O mais bonito é conseguir colocar isso no dia a dia.

Inclusive aconteceu comigo recentemente algo bem parecido com essa estória. Um querido amigo, sabendo que eu tenho facilidade com a escrita, me pediu que o ajudasse na revisão de um artigo científico que ele estava escrevendo. Ele me mostrou a versão prévia com tudo que tinha escrito e já antecipou: “Isaias! Não tenho muita prática com a escrita acadêmica, então sei que tem uns errinhos para corrigir nesse artigo…”.

Só que quando eu fui lê-lo, precisei colocar todo o meu poder de abstração para funcionar ao tentar entender o que ele quis dizer. Nossa! Do jeito que estava escrito, não seria aprovado em legar nenhum nesse planeta.

Ao ler, respondi a ele mais ou menos assim: “De fato, precisamos mudar muitas coisas no trabalho, mas vem cá! Que tema fascinante você escolheu hein? Faço questão de fazermos as mudanças juntos para que tu entenda bem onde é que está precisando fazer as mudanças e porquê…”.

Nessa hora ele abriu um sorrisão e disse: “Muito obrigado Isaias! Fico muito feliz de poder contar contigo meu amigo…”.

Percebe? Eu disse a verdade para ele, mas embrulhada numa caixinha de presente com flores e um cartão!

Se todos nós pensássemos com carinho antes de falarmos qualquer coisa e tivéssemos essa determinação por ser gentil, o mundo seria um mar de rosas. Essa revolução é simples! Ou eu falei algo nesse texto absolutamente fora do comum? Algo impossível de ser realizado? NÃO.

Portanto! Sempre lembre que a verdade é uma pedra preciosa, um diamante lindo, que pode ser dado de presente com muito carinho, em vez de ser jogada de qualquer jeito, ferindo e causando estragos.

Que a gentileza seja o seu parâmetro!

Gentileza gera gentileza…

P.S. Para os que quiserem assistir a esse vídeo, segue o link abaixo.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Isaias Costa
Bacharel em Física. Mestre em Engenharia Mecânica e Psicanalista clínico. Trabalha como professor de Física e Matemática, mas não deixa de alimentar o seu lado das Humanas estudando a mente humana e seus mistérios, ouvindo seus pacientes e compartilhando conhecimentos em seu blog "Para além do agora", no qual escreve desde 2012.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here