Por natureza somos seres sensíveis, ou seja, sentimos o tempo todo. Qualquer coisa pode nos afetar de alguma forma; uma noticia na TV, uma música, uma declaração ou uma ligação surpresa. Nunca conseguimos estar preparado totalmente para o que está por vir.

Por isso sentimos tanto quando alguém nos machuca.

Já esteve em uma relação que estava tudo indo bem e do nada acabou? Já conversou com alguma pessoa que parecia ser sua alma gêmea e depois de um certo dia nunca mais conversaram? Já dormiu pensando em namorar uma pessoa e ao acordar sentiu uma frieza inabalável do outro lado?

Às vezes as pessoas vão te machucar com a sua indiferença e você pensará que elas não são o tipo de pessoa que eu descrevi acima, que elas não sentem tanto assim, mas ao contrário do que parece, elas sentem muito.

Às vezes as pessoas vão te machucar por medo a machucar-se, vão desistir de uma relação que parecia que estava indo ótima por medo a que você desista dela antes.

Essas pessoas ficam se auto sabotando o tempo todo para não gostar de outras. O pior é que isso não é algo que se possa controlar. O medo é tão grande que elas chegam a acreditar que não conseguem gostar de ninguém, quando na verdade elas mesmas tentam o tempo todo afastar-se dos seus sentimentos, seja colocando defeitos no outro ou proporcionando condições para criar distância.

Elas vão se afastar por medo a que se afastem delas primeiro e vão mudar quando estiverem no momento mais feliz da relação. Elas vão te magoar por gostar de você, mas principalmente por gostarem demais de si mesmas e não suportarem a ideia de sofrer.

Essas pessoas não conseguem lidar com uma relação, seja porque já se decepcionaram demais ou porque nunca encontraram alguém que lhes demonstrasse o valor de um bom amor. Elas não querem te fazer sofrer, não querem te magoar e nem te decepcionar, mas o farão da forma mais egoísta possível.

Elas vão te machucar, por medo de que você as machuque antes.

Imagem de capa: vgstudio, Shutterstock

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




"Acredito que todo dia é uma nova oportunidade para aprender algo novo sobre o que sentimos e sobre quem somos. Compartilho todos os meus pensamentos sobre relacionamentos em textos. Gosto de café, mas tenho gastrite. Gosto de gatos, mas tenho alergia. Não gosto de dormir, mas tenho o sono profundo...e o coração leve."

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here