Deixe para trás essa mania de ficar esperando pelo momento mais apropriado, pelas palavras certas, pelo príncipe encantado, pelo emprego mais rentável. Deixe para trás a amizade ausente, as mensagens lidas e não respondidas, as ligações sem retorno, o convite que nunca chega. Deixe para trás o que ficou lá atrás e não volta mais.

A vida é tão curta, os momentos passam tão rapidamente, as pessoas acabam indo embora, algumas vezes cedo demais. Como diziam nossos avós, tudo o que é bom dura pouco. Por isso mesmo, não podemos nos demorar junto a pessoas desprezíveis e insossas, tampouco nos lugares onde nos sentimos muito menos do que somos, onde nossos sonhos se achatam e nosso sorriso é forçado. Deixemos para trás o que faz mal.

Deixe para trás essa mania de ficar esperando pelo momento mais apropriado, pelas palavras certas, pelo príncipe encantado, pelo emprego mais rentável. Sem essa de esperar a hora certa, pois o que temos é o agora, o instante em que respiramos neste exato momento, nada mais do que isso. Aproveite o que está à sua frente e pode ser alcançado.

Deixe para trás a amizade ausente, as mensagens lidas e não respondidas, as ligações sem retorno, o convite que nunca chega. Você tem tanta coisa boa dentro de si, que vai ser fácil encontrar alguém que curtirá a sua companhia, que sorrirá e chorará junto, que o levará aos lugares. Tem alguém que torce por você e valoriza a sua amizade. Pare de ser bobo.

Deixe para trás a obrigação de dar satisfações a quem mal o conhece, a quem na verdade nem ouve o que você diz. Grande parte das pessoas que ficam nos cobrando uma faculdade, um namorado, casamento e filhos mal se lembram de que existimos, mal sabem nosso nome completo. Dê satisfações a quem te ama e caminha junto, com verdade e transparência.

Deixe para trás a preocupação excessiva com sua aparência, com seu peso, com o número de sua calça jeans. Preocupe-se com sua saúde, mas não deixe de viver, por ser escravo de uma estética que, muitas vezes, nem combina com seu corpo. Aceite-se por inteiro, cada imperfeição que o torna tão único e especialmente charmoso.

Deixe para trás o que ficou lá atrás e não volta mais. Passado é lugar para visitar e não para morar. Livre-se dos erros que já se foram, dos amores que já partiram, dos momentos que doeram, mas tiveram fim. Olhe adiante, contemple o leque de oportunidades escancaradas em seu horizonte e siga, sempre em frente. Que doa, mas siga.

Tão importante quanto o que temos é o que não temos mais, o que não é mais nosso, o que não deve nunca mais fazer parte de nossa jornada. Só nos recarregaremos de novas possibilidades se nos livrarmos dos pesos inúteis que, não raro, teimamos em manter conosco. Liberte-se, deixe para trás e vai ser feliz, pois eis o sentido da vida: pra frente!

Imagem de capa: Alexander Steam, Shutterstock

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Marcel Camargo
"Escrever é como compartilhar olhares, tão vital quanto respirar".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here