10 provas de que a verdade não deixa de existir quando é ignorada.

Por mais que tentemos nos enganar, a verdade, dura e certeira, baterá a porta. Nesse momento, o impacto de realidade que receberemos será proporcional ao tanto de verdade que fomos capazes de aceitar ao longo do tempo. A verdade não deixa de existir quando é ignorada.

As frases abaixo,  no mínimo, merecem alguma reflexão.

Tem alguém na porta. Você vai abrir?

1- Ter razão em um argumento não te autoriza a ser um cretino.

Tiko Aramyan/shutterstock

2- Faça o que fizer o seu dia continuará tendo 24 horas. A sua vida, entretanto, será abreviada se você passar cada minuto desse tempo estressado e trabalhando.

FCSCAFEINE/shutterstock

3- Sentir inveja é normal e humano, fazer o mal intencionalmente já é outra coisa.

Twinsterphoto/shutterstock

4- Você não é o que você tem, mas pode virar escravo disso bem fácil.

PhotoMediaGroup/shutterstock

5- 0 sucesso costuma vir depois de vários fracassos e o fracasso também pode voltar depois do sucesso. Seja humilde!

shutterstock

6- Toda vez que você diz um sim querendo dizer não, acumula “nãos” para si mesmo.

shutterstock

7- A inveja é um dos sentimentos mais destrutivos que existe. O invejoso prefere ver um “objeto” destruído do que sabe-lo possuído por outra pessoa.

shutterstock

8- Nem todo mundo é bom. Você sabe disso. Mas você não é tão bom e nem tão esperto quanto pensa que é. Lide com isso.

shutterstock

9- Pensar e fazer não são a mesma coisa. Uma pessoa ocupada não é necessariamente uma pessoa é produtiva. A vida precisa de um pouco de organização.

shutterstock

10- Você não consegue controlar o que acontece com você na maioria do tempo, mas pode se esforçar para administrar melhor como lida com isso. Isso se chama inteligência emocional.

Oleksandr Schevchuk/shutterstock

Imagem de capa: lassedesignen/shutterstock

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Josie Conti
Blogueira e empresária. Após trabalhar anos como psicóloga, abandonou o serviço público para manter seus valores pessoais. Hoje, conjuntamente com sua equipe, trabalha prioritariamente na internet na administração funcional, editorial e publicitária de redes sociais e sites como CONTI outra, A Soma de Todos os Afetos e Psicologias do Brasil, além de várias outras fan pages que totalizam cerca de 9 milhões de usuários. Também escreve para as Revistas Contemporânea Brasil e Caminhos. É um exemplo de pessoa que mudou de profissão da área de atendimentos clínicos em saúde do trabalhador para reconstruir seu próprio caminho como editora de sites e blogueira. A formação em psicologia com passagens e especializações nas áreas da psicopedagogia, neuropsicologia, recursos humanos, clínica e saúde do trabalhador nunca foram perdidas e são utilizadas diariamente na escolha dos materiais, seleção de colunistas, em seus textos e vídeos . Acredita que a universidade deve ser um degrau construtor de conhecimento e senso crítico, mas nunca a definidadora de uma vida.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here