Paredes de hospitais já ouviram preces mais honestas do que paredes de igrejas

Imagem de capa: Protsenko_Photo, Shutterstock

Não sabemos o dia de amanhã, tampouco podemos prever quando alguma fatalidade virá nos encontrar, mas, caso tenhamos mantido junto as pessoas certas, com gratidão sincera, estaremos mais fortes para enfrentar as tempestades que se avizinham.

A maioria de nós parece se lembrar de ser mais grata, caridosa e altruísta exatamente quando está passando por algum problema, seja de saúde, financeiro, familiar, seja de qual natureza for. É como se, na dor, fôssemos automaticamente dotados de empatia e de espírito de solidariedade, desprendendo-nos de materialidades fúteis e de vaidades vãs.

Logicamente, há quem se digne a se satisfazer a partir de atitudes caridosas; há quem pense primeiramente no outro, bem antes de si; há quem se lembre de agradecer por estar vivo todos os dias, sem que esteja sofrendo ou passando por alguma instabilidade. Caso contrário, a humanidade já estaria quase que extinta. No entanto, muitos somente voltam os olhos para além de si mesmos nos momentos em que não conseguem enxergar alguma saída da escuridão em que se encontram.

Quando tudo vai bem, quando temos emprego, saúde, quando ninguém da família está doente, sentimos um prazer imenso desfrutando de tudo o que temos junto de nossas vidas e, nesses momentos, muitas pessoas se esquecem de nutrir o sentimento de gratidão. Não se refere, aqui, exclusivamente ao ato de orar, de agradecer a Deus, mas sim de ser grato também a quem nos ajudou e continua ajudando, a quem nos ama, a quem nos espera com verdade, todos os dias.

Caso não se trate de uma pessoa religiosa, sempre haverá pessoas ao redor que deverão ser especiais, pois ninguém chega sozinho onde se encontra hoje. Ao longo de nosso caminho, muita gente nos motiva e fortalece, através de palavras reconfortantes, de uma mão amiga, de conselhos preciosos, até mesmo por meio de sua companhia, do estar junto por inteiro. Sermos gratos a quem nos faz bem acabará sempre por nos tornar pessoas melhores e mais felizes.

Por isso, estarmos sempre em dia com o retorno afetivo em relação aos verdadeiros anjos terrenos que suavizam a nossa jornada fará com que mantenhamos próximos justamente quem veio para ficar. Não sabemos o dia de amanhã, tampouco podemos prever quando alguma fatalidade virá nos encontrar, mas, caso tenhamos mantido junto as pessoas certas, com gratidão sincera, estaremos mais fortes para enfrentar as tempestades que se avizinham. A gratidão, afinal, é um escudo poderoso contra o mal, pois ela ilumina qualquer caminho.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



Marcel Camargo
"Escrever é como compartilhar olhares, tão vital quanto respirar".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here