A nossa ânsia de querer tudo ao mesmo tempo ainda vai nos levar a loucura

Imagem de capa: Krylova Yulia/shutterstock

Já escrevi muito sobre esse assunto, mas parece que ele não se esgota nunca. Isso porque essa ansiedade maluca que nós jovens vivemos o tempo todo nos causa um rebuliço danado aqui dentro.

Queremos tudo para ontem. Vou finalmente publicar meu livro, mas já estou preocupada com aquela viagem que terá que ser postergada. Enfim consegui um emprego bacana, mas já estou me preocupando com o que estarei fazendo daqui a dois anos. Encontrei um cara legal, mas já estou sofrendo porque não sei se ele é o ideal. E por aí vai…

Dá uma aflição só de ler, não é mesmo? Por que a gente não consegue se sentir satisfeito? E mesmo que a gente se sinta pleno, parece que é muito efêmero. Fico me perguntando se isso tudo é consequência desse ritmo acelerado que vivemos, dessas novas tecnologias que nos trouxeram tanta instantaneidade em vários âmbitos, ou se tem alguma outra explicação pra isso.

O que eu realmente sei é que fico completamente exausta. Parece que, independente do que eu faça, sempre vai ter algo que eu nunca vou conseguir alcançar. Algo distante demais. Algo que me faça sentir impotente. Algo que me faça rever todos os meus objetivos o tempo todo.

Confesso que de vez em quando acho que não vou conseguir alcançar nada e tenho vontade de fugir desse mundo. Às vezes, bate aquele medo de não conseguir ser quem sonhei ser. Aquela agonia de nunca conseguir sair das asas dos pais e construir a minha história completamente sozinha. Aquele frio na barriga de preencher uma lista enorme de metas e não completar nem metade.

Sinceramente? Acho que essa ânsia de querer tudo ao mesmo tempo ainda vai nos levar à loucura. De repente, vai dar um “puf” geral e sei lá eu o que vai acontecer. É preciso entender que, infelizmente, o tempo da nossa cabeça não funciona harmonicamente com o tempo dos ponteiros do relógio. E vai ser sempre assim… Então acredito que a única maneira de conviver com isso de uma forma saudável seja respirar fundo, traçar todos esses objetivos e ter paciência, MUITA paciência. A verdade é que se você for atrás, tudo vai se realizar. Apenas talvez não seja no tempo que você programou na sua cabeça. E está tudo bem.

COMPARTILHAR
Bruna Cosenza
Bruna Cosenza é paulista e publicitária. Acredita que as palavras têm poder próprio e são capazes de transformar, inspirar e libertar. É autora do romance "Lola & Benjamin" e criadora do blog Para Preencher, no qual escreve sobre comportamento e relacionamentos do mundo contemporâneo.

DEIXE UMA RESPOSTA