Ancestral

Imagem de capa: Ase, Shutterstock

nada que os olhos veem realmente existe.

somos projeções cósmicas em realidades transcendentais e achamos estarmos presos nas caixinhas do corpo,

sendo que quem limita na verdade não é a carne, mas sim o olhar.

a certeza vem direto do Olho-que-tudo-vê e,

mesmo sem verdade, a gente enxerga e pior ainda que isso,

ainda que com suspiro,

estamos sempre sendo observados.

o universo é tudo-menos-uni e estamos conectados por redes de galácticas e cósmicas energias que ligam tudo a todos sem conseguir se saber o por quê.

Não

tem

por quê.

Existimos dentro da mente de uma Deusa e de lá ressoamos em contato com outras civilizações.

daí que os olhos enganam achando que cada encaixe não é nada além de holograma fundido em massa.

os pensamentos sao um turbilhão assim como o barulho das águas passando por dentre as pedras num rio, estando no meio delas fica mais fácil pensar porque o som abafa o som do dentro, sempre a lapidar as coisas brutas quase-que-inatas que existem em nós.

é só sentar na pedra pra então ver a raposa correndo contra a sua direção,

a mente como um canal para outras concretudes abstralizadas que desconhecemos.

eu olho a pedra e ela parece existir.
eu toco a pedra e ela passa a existir.
eu fecho os olhos e imagino a pedra, e eis que só então ela passa realmente a ser de fato, na sua existência de estar,

bem longe daquilo que meu olho ilude ver pra fugir dela, tão temida:

a morte.
ressoa em mim, tão forte.

morte,

que nada passa de um alívio não-consentido de todos nossos afazeres diários.

acabam as contas, as preocupações, as gaiolas onde o coração chora.

o vento vem dizer isso todos os dias e só resta sabermos lembrar sempre que

a natureza é um contato extremo com o dentro da gente –

o lugar de onde viemos,
pra onde vamos e de onde,
na verdade,
jamais saímos.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Thaís Amaral

Thaís Amaral tem 22, mora no interior de SP e publica os murmúrios de seu mar de dentro no blog Sereia no Aquário (sereianoaquario.wordpress.com).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here