Meu futuro amor está por aí

Por Fellipo Rocha

O meu futuro amor pode estar, neste exato momento, nos braços de outro alguém e, ainda que eu não saiba, sinto ciúmes. Pode estar na fila do supermercado comprando ingredientes para o almoço, ou num ponto de ônibus, esperando a hora de ir para casa. Pode estar sorrindo ou chorando, sofrendo ou amando. Pode estar logo ali na esquina, ou do outro lado do mundo, mas, na hora certa, estará – finalmente – comigo.

O meu futuro amor pode estar com problemas, mas ainda não tem a mim para solucioná-los. Pode estar com frio ou acordando de um pesadelo, mas ainda não tem o meu peito para aninhar-se. O meu futuro amor não sabe quem sou, mas, certamente viria correndo, se pudesse ao menos imaginar a imensa quantidade de carinho que tenho a oferecer.

Ao fechar os olhos, juro que posso sentir seu cheiro, ainda que não faça ideia de qual seja o seu perfume. Ao deitar na cama, juro que posso sentir seus beijos, ainda que não faça ideia de qual seja o sabor dos seus lábios. Ao sair de casa, juro que posso sentir saudade, ainda não faça ideia de como seja o seu rosto. E ao retornar no fim de tarde, juro que posso sentir seu abraço, ainda que não faça ideia de quando chegará na minha vida.

Eu não sei quem você é, meu futuro amor, mas, ando precisando de ti. Tanto para pôr em prática os planos que tanto sonho para nós, quanto para incorporar os seus à minha vida de esperanças. Continuarei a minha busca, como quem procura um tesouro perdido. A única diferença é que, ao invés de mapa, tenho apenas o coração como bússola.

Me espere, chego logo.
Com afeto, do seu futuro amor.

Fonte: EOH

COMPARTILHAR
A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".



DEIXE UMA RESPOSTA