Mãe de menina com síndrome de Down escreve carta para médico que a incentivou a abortar

Durante um ano inteiro a americana Courtney Williams Baker pensou sobre o que gostaria de dizer ao médico que a incentivou a interromper a gravidez de sua filha, Emersyn, que tem síndrome de Down. O argumento do especialista era que a qualidade de vida da família seria muito baixa devido à condição da menina. Mas não foi o que aconteceu. E, para contar isso a ele, Courtney escreveu uma carta.

O documento foi enviado em maio de 2016 para o médico, e a mãe de Emersyn também postou o texto em seu Facebook. O recado viralizou nas redes sociais, sendo compartilhado por milhares de pessoas. “Não tenho ideia de como o doutor pode ter reagido à minha carta, mas eu tenho fé de que Deus pode fazer um milagre e ele vai mudar o seu coração”, disse Courtney Baker àABC News.

A seguir, leia a tradução do texto da mãe da pequena Emy:

“Carta aberta ao meu médico do pré-natal.

Querido doutor,

Uma amiga me contou recentemente sobre quando o médico do pré-natal via o filho dela nos ultrassons. Ele avaliava o bebê e comentava ‘ele é perfeito’. Quando o bebê nasceu com síndrome de Down, ela foi ao consultório do mesmo médico. Ele olhou para ela e falou,

‘Eu te disse. Ele é perfeito’.

A história dela me deixou em pedaços. Ao mesmo tempo que eu estava muito grata pela experiência da minha amiga, fiquei triste pelo que eu deveria ter tido. Eu gostaria que você tivesse sido aquele médico.

Fui até você no momento mais difícil da minha vida. Eu estava assustada, ansiosa e em completo desespero. Eu ainda não sabia a verdade sobre o meu bebê e foi por isso que eu precisava desesperadamente de você. Mas ao invés de suporte e encorajamento, você me sugeriu que abortasse a minha criança. Eu te disse o nome dela e você nos perguntou de novo se entendíamos o quão baixa seria a nossa qualidade de vida com uma pessoa com síndrome de Down. Você propôs que a gente reconsiderasse a nossa decisão de continuar a gravidez. A partir daquele encontro, nós temíamos nossas consultas. O momento mais difícil da minha vida se tornou quase insuportável porque você nunca me disse a verdade.

Minha criança era perfeita.

Eu não estou brava. Eu não estou amarga. Estou apenas triste. Triste porque os pequenos corações pulsantes que você vê todos os dias não fazem você se admirar. Estou triste que aqueles intrincados detalhes e o milagre daqueles dedinhos, pulmões, olhos e ouvidos nunca te dão uma pausa. Estou triste por você estar tão errado quando disse que a minha bebê com síndrome de Down iria diminuir a nossa qualidade de vida. E estou com o coração partido pela ideia de que você ainda fale isso para outras mamães. Mas estou ainda mais triste porque você nunca vai ter o privilégio de conhecer a minha filha. Emersyn.

Porque, sabe de uma coisa, Emersyn não só melhorou a nossa qualidade de vida como também tocou o coração de milhares de pessoas. Ela nos deu um propósito e uma alegria impossíveis de expressar. Ela nos deu sorrisos maiores, mais risadas e beijos do que jamais vimos na nossa vida. Ela abriu nossos olhos para a verdadeira beleza e o amor puro.

Então, a minha oração é para que nenhuma outra mãe tenha que passar pelo que eu passei. A minha oração também é para que você veja a verdadeira beleza e o amor puro em cada vida exibida nos ultrassons. E a minha oração é para que o próximo bebê com síndrome de Down que você ver no útero de uma mãe faça com que você olhe para ela e me veja, e diga a verdade…

‘Sua criança é absolutamente perfeita'”.




DEIXE UMA RESPOSTA