Para você que sonha morar na Itália, agora é possível que você tenha como. O país está convidando estrangeiros para viver em algumas de suas cidades pouco povoadas, mas que são um verdadeiro paraíso. E o melhor? Ainda querem te pagar por isso.

A Itália está oferecendo cerca de R$ 3 mil reais para quem quiser morar em Molise, uma pequena cidade esquecida na região sul da Itália.

A falta de habitantes em Molise levou a Câmara Municipal a tomar essa ação, pois a cidade conta é habitada apenas por 300 mil pessoas que não estão dispostas a perder sua história, tradições e patrimônio para se tornar uma cidade esquecida no mapa.

É uma oportunidade de ouro para quem sonha viver fora. Porém, você só precisa atender algumas condições.

Você deve estar disposto a começar uma nova vida e deixar tudo em seu país para abrir um negócio na cidade. Esse negócio pode ser de sua preferência, embora, obviamente, o objetivo principal seja revitalizar toda a região, então é bom pensar nas chances de sucesso.

“Se tivéssemos oferecido financiamento, teria sido outro gesto de caridade. Queremos fazer mais para que as pessoas invistam aqui”, disse Donato Toma, responsável na região. “Você pode abrir qualquer tipo de empresa: uma padaria, uma papelaria, um restaurante, qualquer coisa. É uma maneira de dar vida às nossas cidades e, ao mesmo tempo, aumentar a população.”

E não se trata apenas de preencher um espaço vazio no local. Para que uma cidade seja sustentável, ela precisa de infraestrutura, movimento em sua economia e, acima de tudo, “um motivo para ficar” , diz Donato.

Mas além de conceder essa verba aos interessados, serão concedidos 11 mil dólares a cada pequena aldeia no enterno da cidade, que possuem menos de 2 mil habitantes para construir uma boa infraestrutura e promover a atividade cultural.

Portanto, se o seu sonho sempre foi mudar para a terra natal da pizza, do bom vinho, do queijo e da arte, essa é sua chance..

As inscrições começaram no último dia 16 de setembro e os interessados tem apenas 60 dias após essa data para se candidatarem.

Com informações do site Nation

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

1 COMENTÁRIO

  1. Muito válido para ambas as partes interessadas, porque lucrarão se negócios forem efetuados com a indispensável transparência sem “puxadas de tapete” ou intenções escusas do tipo “farinha pouca meu pirão primeiro”. No meu caso, agradeço mas não, não largo o Brasil com cheiro de fumaça e animais que estavam em extinção mas não estão mais, já que foram extintos mais rápido do que supunham as estatísticas. Por isso mesmo não desprendo minhas raízes onde me sinto a dona do pedaço e onde convivo com a mentira de achar que posso salvar a pátria amada, apenas rezando e recordando os versos bonitos do Hino Nacional que ninguém mais canta ou sabe inteiro de cor. Deixar tudo pra trás não é a minha praia, vou viver chorando de saudade e nostalgia e ainda que adorando pizza e polenta (veganas, claro), não largo o “Sole Mio”, vero, capite?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here