Muitas vezes pensamos que tomamos o caminho errado, podemos reclamar das decisões que nos trouxeram consequências que preferiríamos não viver, podemos lamentar o tempo investido em algo … Podemos nos arrepender e culpar, mesmo que não seja com um papel de protagonista, podemos sentir saudades de algo perdido ou estradas não viajadas.

No entanto, é importante perceber que nada nos acontece de maneira casual, que tudo tem uma razão e que cada uma de nossas experiências, nossos relacionamentos, nossos passos, tem a intenção de nos colocar exatamente onde deveríamos estar para o nosso crescimento, e devemos valorizar a vida e seus milagres.

Devemos confiar no processo da vida. Obviamente, não se trata de cruzar os braços e esperar pelo que temos que viver passar por nós, não, nossos caminhos são ajustados ao nosso crescimento para o benefício que extraímos de nossas experiências;

Nós não devemos recriminar p nosso passado, o que fizemos na época foi a única coisa que poderíamos ter feito com os recursos e conhecimentos que possuíamos, então, além de ser um desperdício energético, é totalmente inútil rever o passado para sentir culpa ou remorso, pois lembre-se das tristezas. Devemos apenas usar nosso passado para fins práticos, aprender o máximo possível com ele, ver o quanto crescemos e quais pontos fortes nós desenvolvemos.

Por mais enigmática que seja a vida, não devemos perder de vista o objetivo principal:

Ser feliz! Temos de aprender a manter a compostura apesar da tempestade…

A felicidade é o produto de uma perspectiva carregada de maior consciência, onde podemos apreciar cada momento e aceitá-la como é sem fingir que é diferente. Felicidade é a ausência de resistência ao que não é como nós queremos, é dar o melhor de nós para o que nós queremos, sempre apostando no fato de que talvez a gente não possa mudar nada em particular, mas que, alterando nossa maneira para percepção, já sentiremos a paz necessária para passar por qualquer situação.

Traduzido e adaptado do site Rincón Del Tibet

Imagem de capa: Pexels

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here