Você não tem que se apressar, ou se preocupar, pelo contrário, relaxe, porque o que é para você vai te encontrar. Como acontecerá isso? Sentindo sua vibração. A única maneira de acelerar o processo é vibrar constantemente com o que você quer.

Contudo, devemos ter cuidado porque, dependendo de como vibramos, será o que atrairemos para nossas vidas. Então, o que dizemos para nós é o resultado de um processo mental e emocional contraproducente, que acaba por criar uma realidade que gostaríamos de evitar.

Nada vem nossas vidas por acaso

Tudo o que vemos, o universo coloca nas experiências que precisamos para viver, de acordo com o que prevalece em nossos pensamentos e para onde direcionamos nossas energias. A vida é um grande sim se aprendermos a canalizá-la.

Estamos em uma praia espetacular e nos vêm à mente a lembrança de um casal que nos deixou, alguém que morreu, ou nos sentimos culpados por estar lá, enquanto os outros estão enfrentando sérias dificuldades … Nós estragamos o momento, mudamos a nossa vibração para nos sentir culpados.

Devemos implementar outro jeito de vivermos em uma situação adversa, além de nutrirmos a capacidade de pensar positivo, mesmo apesar das condições externas. Este é o desafio que as nossas mentes estão aprendendo e que facilita nossas vidas e nos permite estar bem em todas as circunstâncias…

O que é para você, para o bem ou não, você vai te encontrar

Dirija seus pensamentos para o que você quer e evite focar no que você não quer, porque o que predominar será o que você atrairá. Se você está resistindo a algo, se você está em um processo de negação, se tem medo de que algo aconteça, você está lhe dando poder, você está abrindo um canal para isso entrar em sua vida.

O que quer que tenha acontecido com você, você atraiu. É inútil negar essa premissa sem tentar colocar a teoria em prática para gerar as mudanças desejadas. Concentre-se no que você quer, ponha de lado as dúvidas, deixe de lado os medos, acredite em si mesmo e em seu poder criativo. Pratique e observe os resultados. Dê força ao que você gosta, fale sobre o que você quer, sonhe acordado imaginando o que você gostaria de viver, comece a criar o que você quer, que o que quer que seja você irá encontrar, respondendo ao seu processo criativo.

Traduzido e adaptado do site Rincón del Tibet

Imagem de capa: Pexels

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here