Por favor, não confunda amar com carência. Amar é calma, serenidade e encontro. Carência é pressa, posse e desencontro. Nenhum relacionamento dá certo quando mistura-se ambas. O resultado é quase sempre catastrófico e deixa marcas de difícil cicatrização.

Não sei como andam os seus sentimentos. Se estão tranquilos, agitados ou em transição. Mas uma coisa é fato, se você não estiver dando conta deles, fique na solidão. Tire um tempo para você. Não é um atestado de fracasso não amar, longe disso. Na verdade, quem não está amando outra pessoa no momento tem sorte. Sorte porque sabe aproveitar a própria companhia. Porque entende sobre não escolher um suporte só para estar com alguém. Na carência, o primeiro sinal de carinho vira motivo para ser “um amor para vida inteira”. Será? Existe amar nisso?

Com o tempo, o suposto carinho transforma-se nos piores detalhes da carência. O controle constante, a obsessão emocional em ter de volta o que foi cedido, a luta diária para estar perto apenas por comodidade. Relacionamentos tocados na base do “assim que eu quero”. Seja razoável. Amar não é sofrimento. Se dói e incomoda tanto ao ponto de você perde-se de vista, infelizmente, a carência sobrou mais do que deveria. E quando ela permanece, qualquer fuga é confundida com amar.

Presta atenção, amar é saudade. E saudade é saudável. Mas, quando trocada pelos jogos, abusos psicológicos e outras mandingas amorosas, é só você caindo na carência de quem não está dando valor para si. Porque amar é ter, todos os dias, um gosto de tranquilidade ao lado de alguém. É ter o olhar sereno para encarar um relacionamento sem falsas promessas.

Amar é ver a própria sorte sendo duplicada. Pelo amor de você e pelo amor para você. Enquanto isso, estar carente é ter o grande azar de precisar pedir presença sem o comprovante de reciprocidade.

Imagem de capa: Andrii Kobryn, Shutterstock

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO




Guilherme Moreira Jr
"Cidadão do mundo com raízes no Rio de Janeiro"

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here