Fiz um trato comigo, só aceito amores inteiros

Nem adianta chegar com esse papo de vamos ver como as coisas se desenrolam. Não sei qual é a sua visão sobre relacionamentos, mas a minha é a seguinte, amor bom é aquele que não vive de migalhas.

Achei melhor deixar isso bem claro para você. Assim ninguém perde tempo, sabe? Ninguém precisa ficar dando desculpas ou tentando encontrar explicações óbvias que, por sinal, estão estampadas nas suas atitudes. Poupe o meu coração, te peço. Ele não sente para ser mais uma conquista. Ele existe para saborear o que merece. Percebe a diferença?

Vou te explicar de uma forma diferente, presta atenção. Eu não consigo viver esperando o amor cair do céu. Penso que se você quer, gosta e tem interesse por alguém, nada mais natural que demonstre. Não precisa ser o tempo inteiro, não é isso. Mas você concorda comigo que demonstrar, muitas vezes, está nos detalhes? Então, detalhes. Carinhos, cuidados e respeitos são facilmente encontrados nos detalhes. Se você não pode ou não quer, fala comigo e cada um segue o seu caminho.

Entenda, não estou fazendo cobranças e muito menos agindo por carência. Acredite você ou não, me conheço muito bem. Sei dos meus pontos fracos e fortes. Acontece que parei de enxergar problemas nas minhas entregas. Me recuso a aceitar que é um crime deixar o meu coração respirar sinceridades. Eu sei, você já teve uma cota de passados mas, que coincidência, eu também. Não seria bacana se a gente deixasse a verdade aparecer?

Não fica com medo, vai. Pode ser que tudo termine conosco chateados? Pode. Mas ao menos terá sido pela confiança em não esconder sentimentos. É bem melhor do que empurrar um amor goela abaixo. Isso sim é carência.

Pois bem, esse é o trato que fiz comigo. Decidi aceitar somente amores inteiros. Não rolam metades, parcelamentos e o quando estou com vontade. O meu amor próprio não vive de migalhas. Logo, não é com você que vou esperar para ver como as coisas se desenrolam.

Imagem de capa: Lia Koltyrina, Shutterstock

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Guilherme Moreira Jr

“Cidadão do mundo com raízes no Rio de Janeiro”

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here