Quando te faltar o chão: voa!

Você não sabia, mas atrás dessas tuas costas, feitas para carregar o mundo, estavam guardadas duas asas. Ninguém te contou isso, foi só quando o teu mundo ruiu que você entendeu que podia voar.

Você escorregou num buraco fundo, feito Alice e achou que tudo era só escuridão, mas eis que, de repente, tuas asas de anjo começaram a bater.

Que lindo ver você surgir assim, feito ser alado, enchendo de admiração os olhos dos passantes da vida. Olhos daqueles que, muitas vezes, duvidaram da tua força.

E pensar que você tinha medo que um dia isso acontecesse. Às vezes, apenas uma queda pode nos fazer tocar o que há de mais profundo em nós. Apenas uma dor latente pode trazer à luz o ser alado que nos habita. Pode revelar forças e vocações adormecidas. Pode indicar caminhos que não veríamos com os pés no chão.

Cair, muitas vezes, pode significar a morte, não da vida, mas daquilo que já não faz mais sentido. Cair muitas vezes pode revelar verdades escondidas, indicar caminhos e calar medos bobos.

Você passou por muita coisa. Você provou da vida. Deixou-se tocar pelo que parecia irremediável e hoje é plenamente capaz de enfrentar seus medos. O monstro do armário te pegou e te arrastou para dentro dele e você teve forças para sair de lá. O armário não era o fim, agora você sabe disso.

Você provou da tua força e descobriu que há uma beleza única em se regenerar. O mundo não é mais o mesmo. Agora você sabe. Agora você entende de finais e recomeços. Agora você pode, simplesmente, voar!

Acompanhe a autora no Facebook pela sua comunidade Vanelli Doratioto – Alcova Moderna.

Atribuição da imagem: pexels.com – CC0 Public Domain.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Vanelli Doratioto

Vanelli Doratioto é uma escritora paulista, amante de museus, livros e pinturas que se deixa encantar facilmente pelo que há de mais genuíno nas pessoas. Ela acredita que as palavras são mágicas, que através delas pode trazer pessoas, conceitos e lugares para bem pertinho do coração.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here