O fim de um relacionamento não pode definir o restante da sua vida

Quando você deu o primeiro passo rumo ao seu amado nunca imaginou que teria esse fim. Nunca pensou que aquelas promessas não seriam cumpridas, que os beijos e abraços não seriam mais dados, e que o casamento não aconteceria mesmo você tendo feito tantos planos e pensado milhares de vezes em como seria seu vestido. Ou que aconteceu e acabou quando deveria ter sido eterno. Mas o improvável se tornou sua realidade e te levou a passar noites insones, ondes as lágrimas eram sua única companhia e não conseguia dizer uma palavra a Deus, mas seu coração gritava no silêncio e orava por consolo.

E eu sei o quanto sua rotina irá mudar, terá que se readaptar a vida que tinha antes de conhecê-lo e dele entrar na sua vida para muda-la tão profundamente. E que te pedir para seguir em frente em um término tão recente não terá muita utilidade, porém não posso te deixar assim jogada na própria dor e querendo fazer dela o seu novo lar. Está doendo e eu vejo em seu rosto o sofrimento que ele causou, mas esse final não pode acabar com sua vida, nem com seus sonhos e vontades. Ele pode ter ido embora, mas você continua aqui e vai ter que andar para a frente mesmo que seja se arrastando.

Não faça desse término o fim da sua jornada. Lembre-se dos seus planos, daqueles projetos que construiu antes mesmo dele aparecer. Você tem um dom, eu sei do seu talento e ele não pode ficar engavetado porque perdeu o ânimo de criar. Eu sei que não é fácil cantar até mesmo aquela música que você tanto ama e que te faz ficar feliz num segundo, e que seus filmes preferidos se tornaram histórias sem graça que não te emocionam e nem alegram, mas segure na mão de Deus e erga seu corpo. Agora tente ver ao longe. Está vendo que a estrada é longa? Então, em cada centímetro dela há possibilidades, chances e aprendizados.

E falando em aprender, faça dessa sua dor um ensinamento, mesmo que agora ela não passe de agonia, raiva, mágoa e decepção, entenda que até mesmo nesse deserto de desamor é possível brotar uma flor. Deixe suas lágrimas regarem o seu cantinho solitário e fazerem dele um jardim que irá florescer. Deixe sua dor se torna poesia, música, desenho, dança. Não se aprisione dentro do seu casulo, não se feche nessa muralha que está começando a construir. Ainda há tanto para se fazer, rir, compartilhar. Ainda há pessoas para amar, cuidar e valorizar. Não desistia de si mesma só porque ele desistiu de você, lute por si mesma e saiba que essa sua experiência te fará mais forte, e não mais fraca.

Pois estar sofrendo não é sinal de fraqueza e nem de falta de superação, você está no seu direito de se abater, de receber as pancadas e cair no chão, pois a dor não te deixa ficar de pé e ela te desmotiva, mas não deixa isso ser eterno. Não continue nesse ciclo que te leva a chorar, a lembrar do que tiveram e depois a ficar zangada com ele. Não se apegue aos motivos que fizeram tudo acabar, porque se continuar pensando neles vai criar uma crosta de mágoa que cobrirá seu coração e o tornará insensível, frio, mal e tirará todo amor que poderia voltar a sentir em breve. Mas aprenda a libera perdão.

Sim, eu falei de perdão. Isso mesmo, perdoar a ele. Eu sei que ele te machucou, que levou metade da parte boa e bonita que você tinha, mas até mesmo ele merece se libertar do mal que provocou. E você merece paz, pois andar por aí carregando essas mágoas te fazem ficar pesada, assim não poderá voar quando entender que a vida não pode ficar estagnada e sim que precisa voltar a brincar entre as nuvens. Porque perdoar é dizer ao outro que você também erra, é ser humilde e admitir que é um ser humano que também pode ferir, que precisa de uns reparos e que pode falhar com quem mais ama. Mesmo não sendo nada fácil, nem simples e rápido, comece a perdoar aos pouquinhos, conforme for largando pelo caminho o mal que ele te fez e perceber que não precisa lembrar mais disso, que ele não é um monstro ou a pior pessoa do mundo.

Então, está preparada para deixar ir? Precisa ir largando essas memórias que só te fazem chorar e não trazem nenhuma cor para sua alma cinzenta. Deixe ir quem não quis ficar. Deixe ir quem te feriu e não tentou te curar. Deixe ir. Você é jovem e ainda pode voltar a amar. Ainda tem um coração que precisa se dispor, se abrir, se mostrar. Deus não te fez para guardar coisas ruins e ficar carregando elas o resto da vida. Ele também não te criou para acabar com seus sonhos só porque um homem não quis passar o resto dos seus dias contigo. Você é forte e Ele sabe disso. Eu também sei e muitas outras pessoas. Por isso pergunto de novo: Está pronta para deixar tudo isso ir?
Responder Responder a todos Encaminhar Mais

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Tatielle Katluryn

Nessa existência já há 20 anos, com sangue Maranhense e coração pertencente ao céu. Sou cristã e estudante, apaixonada por livros do séc. XIX e Astronomia. Escrevo desde os 13 anos, mas nunca imaginei que a escrita faria parte da minha vida e hoje não passo um dia afastada das palavras. Mas nada disso é mérito meu, pois Deus me chamou para falar aquilo que Ele quer dizer as pessoas, para levar a paz a corações como o meu.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here