O farol

Imagem de capa: rdonar, Shutterstock

[sobre nós dois]

Ainda lembro daquele dia, mal sabia onde estava e por qual motivo estava lá. Outrora, por um amor. Hoje, verdadeiramente, era por amor.

Nas orações sinceras e imaturas pedia alguém com mil e uma coisas, daí encontrei alguém. A verdade é que esse alguém frustrou todos os meus planos. Era tarde, me apaixonei pelo farol.

Sou trigo e campo. Você, o farol.
Das linhas mais difíceis de escrever da minha vida. São essas.
Não lembro quando te construíram aqui, tão pouco pra que servia.
Logo eu, tão solitária e fria. Claro, a depender da estação.
Hora floria, outra chovia.
Construíram você. Tão alto e tão próximo do sol, farol.
Do mínimo ao máximo. Quem era você?

Sou areia e mar. Você, o farol.
As palavras já começam a fazer sentido.
Quem te trouxe pra mim? Por qual motivo iluminar?
Assim tão lindo e particular. Só pode ter sido obra Divina. Coisa da Eternidade.
Logo eu, tão indomável e solta. Claro, a depender da exatidão.
Hora marola, outra tsunami.
Construíram você. Tão alto e tão próximo do sol, farol.
Do longe ao perto. Já sei quem é você.

Sou céu e estrela. Você, o farol.
As palavras bailam na minha cabeça. Todas fazem sentido.
Minha imensidão te viu, te quis.
Foi Deus que trouxe você pra mim. Não? Sim! (Tomara que sim)
Hora chovia, outra clareava.
Construíram você. Tão alto e tão próximo do sol, farol. Tão perto de mim, o céu.
Do alto e do baixo. É você.

Hoje, só posso ser sua luz, farol.
Quero brilhar contigo. No campo, na praia e no céu.
Foi Deus que te trouxe pra mim. Só pode ter sido!
Os desencontros e distâncias não puderam controlar sua luz.
Espero o Marinheiro, ou quem for que te guie, ou que seja guiado por você.
Espero junto a ti.
E se um dia estivermos longe, lembrarei da tua luz.
Tão alto e tão próximo do sol, o farol.

COMPARTILHAR



RECOMENDAMOS



Bárbara Fernandes
Sempre escrevi em diários, e guardava-os todos para mim. Até descobrir que existiam mais pessoas que precisavam ler. Então, aqui estamos!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here