Ele foi passado. Então seja meu presente.

Imagem de capa: Syda Productions/shutterstock

Mas não me faça promessas vagas de um futuro incerto, mas me faça viver cada presente momento ao teu lado. Me mostre um outro lado bom de ver as coisas alegres da vida. Quero beijos surpresas e abraços inesperados em qualquer dia da semana. Não precisa lembrar-se de nossas futuras datas especiais no calendário, mas me faça cada uma delas, um dia especial pra gente.

Ele foi meu passado, então seja meu presente, e quem sabe, meu futuro próximo. Minhas retinas já te olhavam sem ver, mas meu coração acelerava todas as vezes em que você se aproximava do meu peito esquerdo. Nada passa despercebido pelo coração, são nossos olhares que, vez em quando, se enganam por esteriótipos quaisquer.

Você alfinetou a bolha que me prendia a ele. Abriu as grades que trancafiavam meu coração a ele. Quando tudo passava tão despercebido pra mim, meu coração resolveu me avisar de tua chegada acelerando o ritmo de cada batida.

Vamos viver o agora sem promessas de futuros incertos. Traçar a estrada sem roteiros. Conhecer um ao outro aos poucos. Vamos nos permitir. Permitir ser feliz por cada instante de alegria. Nos permitir ser quem realmente somos. E quem sabe, um dia, o destino ou o acaso tenha se apegado tanto ao nosso jeito bobo de sorrir um para o outro, que ele nos reserve algo bom para amanhã de manhã.

Mas por enquanto, vamos viver o agora.

Vai por mim, ninguém conhece o futuro.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Pedro Ficarelli

Apaixonado pela poesia feminina. Acredito fielmente que o amor seja o infinito que resolveu morar no detalhe das palavras. Muito prazer, eu me chamo Pedro Ficarelli, e escrevo com o único intuito de pôr palavras onde a tua dor se faz insuportável.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here