Por que ter fé?

Imagem de capa: PopTika, Shutterstock

Não quero falar de religião, até porque cada um tem a sua e devemos respeitar todas elas. Quero falar de fé, isso que significa “acreditar em algo”.

Ter fé vai além da nossa razão, é crer no impossível.

Em 2004, Dean Hamer, geneticista americano relevou ter descoberto os “genes da fé”, ou o “gene de Deus”. O VMAT2 é um conjunto de genes, que juntos geram substâncias químicas que dão sentido as todas experiências vividas. Esses genes atuam na ação dos neurotransmissores dopamina, os mesmos que são responsáveis pelo prazer e bem-estar. Sabe quando você medita? Esses neurotransmissores modificam o estado da consciência. De acordo com o cientista, “somos programados geneticamente para ter experiências místicas”.

A OMS (Organização Mundial da Saúde) atesta que a fé influencia na saúde física, mental e biológica. Ter fé pode diminuir riscos de diabetes, doenças cardiovasculares, respiratórias, infartos, acidente vascular cerebral. Em 2004, foi publicado uma pesquisa pelo São Paulo Medical Journal que afirma o poder da prece na recuperação de pacientes com câncer. O médico fisiatra Marcelo Saad relata que a espiritualidade propicia equilíbrio neurofisiológico e hormonal, atua no imunológico, estimula a produção de endorfina, hormônio responsável pelo bem estar.

A fé torna as pessoas mais amigáveis. Os espiritualizados participam mais intensamente da vida pública. Enquanto 26% dos americanos céticos se declararam muito felizes, o percentual de felicidade aumenta para 43% entre as pessoas espiritualizadas.

Não tem como negar importância da fé. Entretanto, as dificuldades diárias, como o desemprego, a falta de dinheiro e a violência podem abalar ou não deixar que ela se manifeste. A espiritualidade começa com a fé em suas capacidades, em saber que não há mal que dure para sempre. Na vida, aprendemos muitas coisas, alguns conhecimentos tornam-se inúteis, outros, colocam a existência em risco. Mas, será que podemos aprender como ser mais confiantes? Com nossas dicas, você verá que sim.

Viva o presente. Não podemos voltar o tempo e o amanhã é uma incógnita;

Mantenha contato e peça orientação de pessoas espiritualizadas;

Tente se colocar no lugar do outro;

Cuide da sua respiração. Ela influencia nossos pensamentos e ações;

Adote a meditação, a prática traz muito conforto e ainda é ótima para a memória;

Falar sobre os benefícios da fé é “chover no molhado”. Mas nunca é demais esclarecer que fé e religião são coisas distintas. Existem pessoas com uma fé inabalável que não seguem uma religião. Também podemos ver religiosos fervorosos sem fé. A fé é uma sensação, energia maior que livros sagrados e dogmas. A fé começa em você, na sua capacidade de acreditar em suas habilidades. É o poder de continuar a crer na humanidade, mesmo com tanta ganância e guerras. A crença em si e no próximo são as bases para adotar a solidariedade até mesmo com quem demonstra não merecer.

Uma pessoa com fé, jamais deve ser vista como alguém acomodado. Ela sabe que nada vem do céu. Ela tem a certeza que dedicação e respeito aos nossos valores e ao próximo são as chaves que abrirão as portas do sucesso. Até mesmo pessoas de fé inabalável passam por momentos difíceis. A diferença é que a fé traz força diante de situações adversas. Quem possui coração iluminado por ela, sabe que seus problemas não são maiores que sua capacidade de superação. Os problemas, são oportunidades para provar a todos o imenso poder que tem a fé.

Podemos comparar a fé a uma montanha. É difícil chegar nela, alguns desistem no meio do caminho, entretanto, quem persiste alcança uma vista indescritível.
Do topo desta montanha é possível ver e sentir toda a beleza deste mundo. Sentir a energia do vento, das folhas, das flores, se refrescar e animar com a chuva e sorrir ao som dos pássaros. A fé é um ímã. Com ela você só atrai coisas boas. Gentileza atrai gentileza. Solidariedade atrai solidariedade. Fé atrai fé. Quando seu coração está cheio de bondade, uma legião de pessoas bondosas vai surgir em seu caminho. Nunca duvide disso.

Pode-se dizer que a fé é um dom. Passar por momentos complicados sem esmorecer não é para qualquer um. Algumas pessoas já nascem com ela, outras a desenvolvem ao longo da vida. Como qualquer sentimento, ela precisa ser cultivada diariamente. Bons sentimentos em relação a você, cuidar das outras pessoas, cuidar da natureza são atitudes que renovam a fé, afinal de contas, só acreditamos naquilo que pode dar frutos, não é mesmo? A fé, nada mais é a crença em coisas reais.

A alma se expande quando está iluminada por ela. A fé é um combustível que nos move ao que realmente é importante. É uma energia que cresce durante as dificuldades e não se enfraquece durante a bonança. A fé é a certeza que o amanhã será melhor, exatamente por ser uma nova oportunidade de continuar a caminhada.

Fé, otimismo, acreditar que vai dar certo, não importa o nome. A certeza que somos seres especiais, com qualidades e habilidades é o que nos mantém em pé. A crença que os seres humanos ainda têm salvação nunca pode acabar. Quando deixamos de acreditar, deixamos de viver.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Déborah Izy
Taurina, cerveja, ler, escrever, barzinhos, cinema, séries, filmes, super heróis, e amante da vida, acredito fielmente no amor. Gerencio a página em meu nome no Facebook: Déborah Izy. Espero que gostem e se identifiquem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here