Sonhos sem paixão? Breves considerações sobre o fracasso

Qual é o seu maior sonho? O que é que você está disposto a fazer por ele? Quanto você é capaz de sacrificar para alcançá-lo? As respostas definirão o seu futuro. O sucesso é apenas a consequência do seu trabalho. Mas, nesse texto, pretendo falar sobre o fracasso. E, para falar de fracasso, preciso falar sobre paixão.

Não importa o tamanho do seu sonho, você precisa de paixão para torná-lo realidade. Ficar sentado esperando o mundo girar é provavelmente o jeito mais fácil de fracassar – o mundo gira e você nunca sai do lugar. A paixão é aquela força que te coloca em movimento. Um impulso na direção dos seus sonhos.

Um homem apaixonado faz loucuras para conseguir a atenção de uma mulher. Homens sem paixão são apáticos. Com os nossos sonhos também é assim. É fácil reconhecer alguém desprovido de paixão, seja no trabalho, na universidade, na rua ou em casa: falta amor.

Professores apaixonados pela sua área são geralmente os mais espontâneos e queridos no círculo acadêmico – os mais malucos e engraçados. Inversamente, professores sem paixão são chatos e a aula se torna cansativa. Uns são bem sucedidos, outros são fracassados (e talvez nem se ligaram nisso).

Sair da inércia. Deixar de lado as desculpas e fazer aquilo que gostamos de verdade. Sem paixão não há sucesso. Os nossos sonhos, grandes ou pequenos, dependem da nossa vontade de realizá-los.

[

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Valter Junior

Amante de café, boas ideias e mulheres de atitude. Adora conhecer pessoas, filmes e músicas novas. Fundador do Puta Letra. Pai de um livro, esperando o segundo bebê.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here