Só uma mulher sabe o que é…

Imagem de capa Elena Kharichkina/Shutterstock

Falo de sentimentos básicos, intimidades que só nós mulheres sabemos como lidar. Falo de algumas aflições vividas neste viés da vida por nós do sexo feminino. Encare cada etapa como se fosse uma calcinha, pura intimidade, então, longe dos olhares masculinos, ok? Minha amiga Regina Valladares me ajudou bastante em alguns aspectos por aqui. Aperta o sutiã, ou tira ele se caso sentir-se melhor, e vem comigo.

Só as mulheres sabem o que é…

  • Passar a vida lutando contra o próprio cabelo.
  • Chorar por coisas que não se explicam, só nós entendemos.
  • Se arrumar inteiramente só para ele, mesmo sem ele sequer notar.
  • A importância de saber o significado do signo e em qual ascendente se encaixa melhor.
  • Fechar os olhos, cruzar os dedos e rezar para que você homem chegue bem em casa.
  • Ter o primeiro sutiã mesmo sem peito algum.
  • Sentir ciúmes do beijo que ele deu na garota do ensino médio em Março de 2002.
  • Escutar um; “Nossa como você engordou” e passar o resto do mês se olhando no espelho inventando dietas malucas.
  • Saber a importância de um bom batom.
  • Comprar uma camisa que não combina com nenhuma de suas roupas, mas o preço parecia legal.
  • A dor de um fim de um relacionamento.
  • Stalkear o perfil dele no Facebook após o término do namoro.
  • a dor de uma unha quebrada recém-feita.
  • Fingir um sorriso no rosto mesmo nos dias tristes.
  • Fazer de tudo pra não ser vista de óculos
  • Ter um coração-oceano com mútuos segredos guardado as vinte-e-oito chaves.
  • Chorar com os filmes do Nicholas Sparks, com o cachorro do Marley & eu, ou com o final do the voice kids.
  • Fazer as coisas darem certo, mesmo fazendo por coisas erradas.
  • Nunca confessar que já ficou com dois ao mesmo tempo.
  • Nunca confessar que se arrependeu ter começado uma discussão.
  • Em hipótese nenhuma dizer que às vezes não escova os dentes antes de dormir.

Como diria a Valladares: Ser mulher é enlouquecer os homens em todos os sentidos de todas as formas, e vai saber o porquê.

Contribuições de:

Andressa Lima

Regina Valladares

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Pedro Ficarelli
Apaixonado pela poesia feminina. Acredito fielmente que o amor seja o infinito que resolveu morar no detalhe das palavras. Muito prazer, eu me chamo Pedro Ficarelli, e escrevo com o único intuito de pôr palavras onde a tua dor se faz insuportável.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here