Desapegar não é fácil quando o amor é grande

Uma das maiores mentiras que te contaram, menina, é que é fácil desapegar das pessoas que amamos. Que é simples esquecer todos os momentos bons, as palavras de carinho, as mensagens no celular. Vou te contar uma coisa — e pode acreditar, estou passando por isso nesse exato momento — , desapegar é uma das tarefas mais difíceis quando o relacionamento chega ao fim.

Quanto maior é o sentimento, maior o peso de deixar tudo para trás. Maior é a saudade, a vontade de mandar um “oi, como você está?”. Mas você não deveria fazer isso. Sério. E vou te contar o motivo, da forma mais gentil que consigo fazer agora: você deixou de ser prioridade na vida dessa pessoa. Provavelmente ela já desapegou. Agora é sua vez de acertar as coisas e seguir em frente.

Amor por outra pessoa é importante, mas o amor próprio continua sendo a maior força do universo. Por vezes nos esquecemos disso e colocamos o outro em primeiro plano. E agora? O que fazer? Como desapegar se tudo que sinto no peito é saudade? Espero que não tenha chegado até aqui na esperança de encontrar uma resposta, menina. Desapegar é um processo dolorido e particular. Cada um sabe a dor que carrega no peito.

A única certeza que fica é que precisamos seguir em frente, mesmo sem saber para onde estamos indo. Juntar todos os caquinhos, firmar o pé e dar um passo de cada vez. Talvez você encontre um novo amor pelo caminho. Tome cuidado, menina. Um coração frágil é alvo fácil. E tudo que você menos precisa é sofrer outra vez. Tome o tempo que for preciso para desapegar. Mas lembre-se de que quanto mais rápido fizer isso, mais rápido estará pronta para amar outra vez.

E sabe de uma coisa? Você merece todo amor do mundo.

COMPARTILHAR
Valter Junior
Amante de café, boas ideias e mulheres de atitude. Adora conhecer pessoas, filmes e músicas novas. Fundador do Puta Letra. Pai de um livro, esperando o segundo bebê.



DEIXE UMA RESPOSTA