16 frases impactantes de Frida Kahlo

A mulher de flores na cabeça, bordado colorido e testa proeminente. Ela encontrou na arte o melhor caminho para uma mente cansada e um corpo exaurido pela dor. Uma mulher que conheceu bem o sofrimento: passou por mais de 30 cirurgias, mas reuniu forças para continuar. No mais, muito sofreu por amor; um amor doentio e volátil. Falamos, é claro, Magdalena Carmen Frida Kahlo Calderón: Frida Kahlo.

Trata-se da pintora autodidata mexicana que ainda hoje é sinônimo de empoderamento e liberdade, inteligência e personalidade. Ela é a feminista que vestiu o orgulho de ser mexicana, de ser mulher apaixonada e sonhadora.

É reconhecida como um dos maiores nomes da pintura mexicana, e seu trabalho, documento metafórico que retrata a sua vida, é um dos mais valorizados e admirados não só no México, como internacionalmente. Trouxemos aqui não a pintura, mas algumas das frases mais conhecidas de Frida para que conheçamos a sua visão poética do mundo.

“Pés, por quê os amaria, se eu tenho asas para voar?”

“Se eu pudesse lhe dar alguma coisa na vida, eu lhe daria a capacidade de ver a si mesmo através dos meus olhos. Só então você perceberia como é especial para mim. ”

“Eu sou a desintegração.”

“Amuralhar o próprio sofrimento é arriscar que ele te devore a partir do teu interior.”

via GIPHY

“Bebia para afogar as mágoas, mas as malditas aprenderam a nadar.”

“Pinto a mim mesma porque sou sozinha e porque sou o assunto que conheço melhor.”

“Acho que é melhor nos separarmos e eu ir tocar a minha música em outro lugar, com todos os meus preconceitos burgueses de fidelidade.”

“Agora, vivo num planeta dolorido, transparente como o gelo. É como se houvesse aprendido tudo de uma vez, numa questão de segundos. Minhas amigas e colegas tornaram-se mulheres lentamente. Eu envelheci em instantes e agora tudo está embotado e plano. Sei que não há nada escondido; se houvesse, eu veria.”

“(E o que mais dói) é viver num corpo que é o sepulcro que nos aprisiona (segundo Platão), do mesmo modo como a concha aprisiona a ostra.”

“Espero que a partida seja feliz e espero nunca mais voltar.”

“Se existe vida após a morte, não me esperem, porque eu não vou.”

“Diego, houve dois grandes acidentes na minha vida: o bonde e você. Você, sem dúvida, foi o pior deles.”

“Creio que o melhor é partir, ir-me e não fugir. Que tudo acabe num instante.”

“Pensaram que eu era surrealista, mas nunca fui. Nunca pintei sonhos, só pintei a minha própria realidade.”

“A dor é parte da vida e pode se tornar a própria vida.”

Fonte : CONTI outra

COMPARTILHAR
A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".



1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA