Quem ama cuida, importa-se, procura

Quem ama não é ausência, quem ama dá um jeito de ser presença mesmo estando do outro lado do mundo e dá um jeito de fazer o outro sentir que é amor. Que vale a pena.

Quem ama liga de forma despretensiosa, aparece numa segunda-feira, numa noite qualquer, antes de ir para a faculdade, e manda uma mensagem antes de dormir, como quem já está com saudade. Quem ama não tem medo de fazer planos e adora sonhar junto, gosta de ver o seu cabelo desarrumado pela manhã e acha graça na sua voz rouca.

Quem ama nos faz ficar sem precisar pedir.

Quem ama dá um jeito e esquece as desculpas. Faz as pazes e rouba um beijo enquanto você insiste em continuar discutindo sobre coisas banais. Quem ama não oferece dúvidas, pelo contrário, oferece abrigo, firma um compromisso contigo sem medo do que os outros vão pensar. Esquece as ”fases” da vida e quer aproveitar o tempo com você. Quem ama arruma tempo para uma conversa qualquer, dispõe-se a nos ouvir, mesmo cansado do trabalho, e nos faz um cafuné. Chama os amigos para um jantar e não hesita em chamá-lo, diz aos amigos sem gaguejar aquilo que você tanto quis ouvir: “É ela”.

Quem ama demonstra com coisas simples, como pegar na sua mão, abraçar forte, te beija, te quer sem inventar desculpas para não te ver, não olha em volta, não olha para trás. Quem ama fixa os olhos em você como quem tem tudo o que deseja bem à sua frente.

Quem ama não mente, não guarda mágoas, não inventa desculpas. Quem ama não tem vergonha do outro, não ilude, não fica na zona de conforto enquanto o outro sofre, enquanto o outro sente.

Quem ama o procura mesmo você tentando se esconder; quem ama sente sua falta mesmo você se ausentando. Quem quer você por perto dá um jeito, sente saudade, bate o pé e faz de tudo para vê-lo.

Quem ama se preocupa quando você está doente, dá um jeito de ligar na farmácia e pedir um remédio pra aliviar a sua dor, vai até a sua casa depois do trabalho só para vê-lo, como quem precisava se certificar de que você realmente está bem. Quem ama não foge quando você mais precisa, não inventa uma desculpa para sair com os amigos enquanto você pede para ficar.

Quem ama não o deixa de lado e o procura apenas quando você aparece com o seu vestido novo, ou porque postou uma foto bonita. No fundo, a gente sabe quando alguém quer a nossa companhia, sabe quando alguém está fugindo e se justificando com desculpas , mas a gente insiste como quem quer acreditar que deve haver algum engano, quando, na verdade, o engano está em acreditar nisso. Quem ama não tem orgulho e sabe perdoar, gosta do seu sapato de florzinha e não se incomoda com o seu riso; gosta da sua alma bonita e se encanta todas as vezes que conhece um pouquinho mais sobre você. Quem ama faz seu jardim florescer e não deixa espinhos.

COMPARTILHAR
Thamilly Rozendo
Estudante de psicologia, apaixonada por artes, música e poesia. Não dispensa um sorvete e adora um pastel de feira com muito requeijão, mesmo sendo intolerante a lactose. Tem pavor de borboletas, principalmente as no estômago.



1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA