As coisas vão dar certo! Vai ter amor, vai ter fé, vai ter paz

Se entregue como se fosse a primeira, aproveite como se fosse a última…

A vida passa rápido demais, o relógio corre contra o tempo. Por vezes, ficamos estagnados em situações desgastantes por conforto. É difícil arriscar-se e tirar os pés do chão, mas no fundo, a vida sempre cobra um pouco mais de coragem da gente. Não que sejamos covardes, mas por vezes, deixamos de fazer alguma coisa por comodismo ou receios. Dar um passo à frente, é libertar-se de medos passados. Olhar para trás é enxergar experiências e vivências, mas seguir em frente é libertador. Independente do caminho que escolhermos.

Mudanças são necessárias para a evolução do ser humano. Acomodar-se é como sentar e ficar esperando por alguma coisa que nem ao menos sabemos do que se trata. Perdemos oportunidades por não abrirmos a porta da esperança. Acreditamos que sob qualquer teto, estaremos seguros. Mas nesse mundo de ilusões e frustrações, a casa acaba caindo sempre em nossas cabeças quando depositamos expectativas demais aonde não deveríamos. Sabedoria e compreensão são duas palavras que resolvem esse problema. O equilíbrio é o que nos mantém em eixo, em sintonia dos sonhos com as nossas atitudes.

Entregue-se como se fosse a primeira vez. Tire os sapatos antes de entrar, peça licença, agradeça e seja sempre gentil. Vai com sede ao pote, mas cuidado para não engasgar. Chegue como quem não quer nada, mas saiba muito bem o que quer. Mantenha o foco, não se desvirtue por qualquer besteira. Sinta o frio na barriga, o arrepio na pele, o tesão incontrolável. Deixe acontecer naturalmente, não force a barra. Faça algo que você nunca fez, a novidade é completamente envolvente. Beije na boca, cuide do corpo e da mente. Mantenha a espinha ereta e o coração tranquilo. Deixe a preguiça do lado de fora. Não faça comparações, cada caso é um caso. Não julgue, não insulte, não aponte o dedo. Ninguém tem nada a ver com as suas desilusões amorosas. Comece do zero, deixe alguém se aproximar e te conhecer melhor. Confie de início e, se não derem valor, saiba que isso não é um problema seu. Mantenha o seu caráter, a sua índole e todos os seus sorrisos. Se te fizerem chorar, permaneça firme, ao menos você tentou. Não sabemos o que vai acontecer até que tentamos. O “não” já temos, o principal é conquistarmos um “sim”.

Vai com tudo, arrisque-se!

Aproveite como se fosse a última vez. Pode ser que não tenha uma segunda vez, uma nova chance de acontecer. Mergulhe de cabeça, vai um pouco mais fundo. Coloque intensidade na vontade, dance conforme a música tocar. Faça tudo o que sentir vontade, agarre mais forte o momento. Respeite sempre, mas se necessário, saiba parar. Aproveite cada segundo, cada minuto, cada hora. Viva um dia de cada vez, não fique parado no mesmo ponto esperando a felicidade te encontrar.

Devemos compreender que a vida é importante demais para perdemos tempo infelizes. Desejar o mal, não o tornará um ser humano melhor. Plantar rancor, discórdia e inveja, não vai te levar à lugar algum. Aprenda que as pessoas entram em nossas vidas por algum motivo, lições devem ser aprendidas com elas. Pare de fazer promessas que você não cumprirá, já basta as falsas que fazem para você. Não iluda ninguém, seja solidário ao próximo. Coloque-se no lugar do outro quando não souber o que fazer. Aproveite enquanto podemos sentir a brisa arrepiar a nossa nuca, esse frescor algum dia vai acabar. Que a maldade e negatividade do mundo à fora não seja capaz de corromper os nossos sonhos. Devemos transformá-los em paz e positividade. Porque, afinal, feliz ou não, transmitir a alegria é essencial.

Talvez o hoje, seja o amanhã que você tanto procura.

E não se esqueça: a vida de um sonhador, sempre terá um final feliz.

COMPARTILHAR
Jéssica Pellegrini
Nunca confie em uma escritora confusa e romântica. As controversas entre um texto de amor e outro de desilusão, podem causar questionamentos pessoais. Consequentemente, sequelas mais graves.



DEIXE UMA RESPOSTA