Confie em mim, ele NÃO era o cara certo! (E eu vou lhe dar 11 motivos)

Ei, sério mesmo… quem aqui nunca passou por um rompimento doloroso!? Eu posso dizer que já. O fim de um relacionamento é algo complicado para qualquer um, seja você uma menina jovem, saindo faculdade e com todo um futuro pela frente, ou uma mulher já madura, com uma carreira estabelecida e metas definidas. Podia não ser o relacionamento perfeito, mas era o seu relacionamento. Encarar o fim não é fácil: vai doer, sim e vai demorar para as feridas sararem. Mas, como em qualquer situação na vida, cabe a você achar a luz no fim do túnel e deixa eu contar um segredinho que você talvez tenha dificuldade para enxergar agora: a luz está lá.

Não se preocupe, isso acontece com todo mundo e você vai seguir em frente. No entanto, antes de continuar sua jornada, é essencial que você olhe para trás e entenda o que aconteceu. A pergunta que eu quero que você se faça é “será que ele era o cara certo para mim?” Eu já vou facilitar e lhe dar a resposta: não, ele não era o cara certo. Como eu sei disso? Porque não deu certo entre vocês, oras..

Sejamos honestos…

Você lembra quando falamos sobre a honestidade ser algo essencial? Pois  agora eu quero que você seja honesta consigo mesma antes de ler o que tenho para lhe revelar a seguir. Olhando para trás, houve momentos em que você sentiu que as coisas não estavam bem? Não me refiro àquele friozinho na barriga que é comum, mas algo que impedia que você crescesse dentro do seu relacionamento. Se essa pergunta que eu fiz acendeu um sinal de alerta na sua cabeça, é provável que a resposta seja sim! Você questionou o seu papel naquele relacionamento alguma vez enquanto vocês estavam juntos. Quem sabe até foi isso que levou ao fim…

Agora guarde esse sentimento com você, porque, em seguida, eu vou lhe mostrar 11 motivos que indicam que ele não era o cara certo. Caso você se identifique com um ou mais de um, não se preocupe: isso é perfeitamente normal. Eu ouço histórias como a sua todos os dias e sou testemunha de transformações incríveis por parte das mulheres com quem estou em contato. O grande segredo é entender o que deu errado e aprender com isso. Se você conseguir fazer isso, dará um passo enorme na direção do relacionamento dos seus sonhos.

1. Você nunca se sentiu 100% segura afetivamente – Por mais que vocês tenham ficado juntos por um tempão, você nunca conseguiu ter certeza que ele te amava incondicionalmente. No começo, pode ser coisa da sua cabeça: uma insegurança se manifestando, por exemplo. No entanto, se esse sentimento não passa, é provável que ele tenha algum fundamento. Principalmente se for combinado de outros alarmes, como os que veremos a seguir.

2. Às vezes, você pensava: “se ele apenas ___________, seria tão bom” – Nada de “se ele apenas lavasse a louça”. Querida, se você quer que ele ajude nas tarefas de casa, use a sua boca e converse com ele. Essa lacuna na frase deve ser preenchida por coisas que não podem ser resolvidas com um simples diálogo. Se ele não trabalhasse tanto, se ele não bebesse tanto, se ele fosse mais maduro, etc. Perceba que estamos falando de coisas de proporções muito grandes que podem ruir a base de um relacionamento. 3.Ele não confiava em você; era propenso ao ciúme e à suspeita – Ele lhe fiscalizava, não a deixava confortável para sair com suas amigas e fazia você sentir-se mal quando conversava com outro homem, mesmo que você não estivesse flertando ou fazendo algo errado.

4. Tudo girava em torno dele – você sentia como se fosse a coadjuvante em um filme em que ele era o protagonista. Ele era egoísta e não se preocupava o suficiente com seus desejos. 

5. Você não era a primeira pessoa com quem ele falava sobre problemas no relacionamento – Aqui de novo aparece a questão da confiança. O relacionamento de vocês deve ser assunto apenas para vocês dois; se ele tem um problema, deve falar com você sobre ele e não ir atrás de conselhos da mãe, irmã amigos.

 6. Ele não sabia amar a si mesmo – Eu repito várias vezes aqui no site a importância do amor próprio na vida e, claro, em um relacionamento. Quando uma das partes não gosta de si mesma, ela torna-se tóxica para a relação. Você não tem a obrigação de carregar um homem adulto nas costas.

7. Ele não fazia esforço para conhecer os seus amigos – Sem compartilhar, não existe um relacionamento. Se o seu companheiro não se esforçava para saber mais sobre as pessoas que importam tanto para você, ele não estava pronto para assumir o relacionamento sério que você queria. Ambas as partes devem ter objetivos e desejos semelhantes para que um relacionamento funcione. 

8. Ele não era esperto, nem curioso – Você é uma mulher inteligente e interessante, portanto merece alguém que também possua essas características. Se o seu ex-companheiro lhe entediava, qual o motivo de vocês estarem juntos? Você não tem a obrigação de estar em um relacionamento que não agregue à sua vida.

9. Ele ainda não tinha superado outra mulher – Essa é mais comum do que você imagina. Homens podem ser emocionalmente confusos e essa confusão só piora quando eles estão saindo de um relacionamento. Não é raro um cara começar uma nova relação não porque está apaixonado, mas como maneira de superar a outra que o dispensou. Se esse era o caso do seu ex, você se livrou de um relacionamento que não tinha futuro.

10. Ele culpava os outros quando as coisas não davam certo – Uma parte essencial do processo de maturidade masculino é aprender a assumir quando erramos e a lidar com esses erros. Se o seu companheiro não era maduro o suficiente para assumir a responsabilidade de pequenas falhas no dia a dia, como ele iria assumir um compromisso importante com você?

11. Ele não lhe queria – Todos os outros motivos que eu apresentei aqui são sintomas desse. Talvez ele estivesse com você por conveniência ou porque queria estar com alguém, mas você merece um homem que queira estar com você. Seu tempo é valioso demais para gastar com alguém que não lhe trate como a única mulher do mundo. Lembre-se: não estar em um relacionamento é melhor do que estar um mau relacionamento SEMPRE!!! Você não deve se deixar definir por uma relação, seja ela qual for. Seja a mulher interessante, inteligente e bonita que você é e curta a sua vida, mas não se deixe prender a alguém que não te ama.

Se você identificou-se com um ou mais dos motivos que mostram que ele não era o cara certo, não se coloque pra baixo: isso é ótimo!! “Como isso pode ser algo bom?” Ora, temos que olhar no lado positivo nessas horas: você saiu de um relacionamento que não era o ideal para você e agora está livre para encontrar o homem dos seus sonhos. Ele está aí e, quanto mais você vive e aprende, mais fácil fica para encontrá-lo.

Fonte: Segredo dos Homens

COMPARTILHAR
A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".



2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA