3 lições da natureza

Superar limites, renovar e aprender com as dificuldades, essas são algumas das muitas lições que podemos interpretar dos processos da natureza. Confira abaixo nossa lista com 3 exemplos inspiradores.

1- A abelha não é feita para voar

LIÇÕES DA NATUREZA

Pela aerodinâmica a abelha não deveria conseguir voar. Mas como ela não sabe disso, voa do mesmo jeito.
Mary Kay Ash

Dizem que antigamente, pelas leis da aerodinâmica, não se podia explicar o voo da abelha. Muitas vezes nós também somos como a abelha, capazes de feitos dos quais a maioria das pessoas podem não compreender. O importante é acreditar no próprio potencial.

 

2 – A pérola é resultado da dor

LIÇÕES DA NATUREZA

Uma ostra que não foi ferida jamais produzirá pérolas.A pérola é uma ferida curada.

― Rubem Alves

O desenvolvimento da pérola acontece após a invasão de organismos na concha, que causam irritação no corpo do molusco. A pérola é a defesa do organismo da ostra para isolar o invasor.

Nas adversidades podemos sempre buscar o aperfeiçoamento e desenvolver nossa pérola, aprendendo com os erros.

 

3 – A metamorfose da borboleta

LIÇÕES DA NATUREZA

Não haverá borboletas se a vida não passar por longas e silenciosas metamorfoses.

― Rubem Alves

A lagarta passa por uma longa metamorfose para se transformar em uma bela borboleta. Assim é na vida, as maiores mudanças são silenciosas e lentas, com resultados duradouros.

*Fonte: Site Refletir para refletir

 

COMPARTILHAR
A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".



DEIXE UMA RESPOSTA